| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

Forum - Trabalho Escravo
Desde: 18/05/2003      Publicadas: 50      Atualização: 22/06/2003

Capa |  Ações Judiciais.  |  Jurisprudência  |  Notícias  |  Textos


 Notícias

  22/06/2003
  0 comentário(s)


Francisco Fausto: ameaça a Frei Henri é tática de marginais.

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Francisco Fausto, qualificou, hoje (19), de “tática cruel e de marginais” as ameaças contra o Frei Henri Des Roziers, da Comissão Pastoral da Terra, em virtude de seu combate ao trabalho escravo no sul do Pará. Ele tomou conhecimento das ameaças por intermédio de manifesto encaminhado por representantes das entidades civis e instituições envolvidas no combate ao trabalho escravo naquela região do país. “É profundamente lamentável a situação mas tudo terá um fim quando o Congresso aprovar uma lei, que está em tramitação, que desapropria as terras dos escravagistas e passa os seus direitos para o Ministério da Reforma Agrária, que faria a distribuição entre aqueles que lutam por um pedaço de terra neste país.” O presidente do TST fez questão de ressaltar o “trabalho sério e competente” do Frei Henri e das demais entidades que lutam pelo fim do trabalho escravo no sul do Pará. Fausto lembrou que recentemente esteve pessoalmente com Frei Henri no Fórum de Porto Alegre e já naquela ocasião ele relatava ameaças que recebia frequentemente, provavelmente de fazendeiros comprometidos com a prática do trabalho forçado. Francisco Fausto ficou de ligar ainda hoje para o Frei Henri para manifestar a sua solidariedade e transmitir o apoio do TST na luta pelo combate ao trabalho escravo no sul do Pará.
  Autor:   TST





Capa |  Ações Judiciais.  |  Jurisprudência  |  Notícias  |  Textos
Busca em

  
50 Notícias